domingo, 28 de julho de 2013

Tudo que vicia começa com “C”

coca

(Por Luiz Fernando Veríssimo)


“Por alguma razão que ainda desconheço, minha mente foi tomada por uma ideia um tanto sinistra: vícios.

Refleti sobre todos os vícios que corrompem a humanidade. Pensei,pensei e,de repente, um insight: tudo que vicia começa com a letra C! De drogas leves a pesadas, bebidas, comidas ou diversões, percebi que todo vício curiosamente iniciava com C.

Inicialmente, lembrei do cigarro que causa mais dependência que muita droga pesada. Cigarro vicia e começa com a letra C. Depois, lembrei das drogas pesadas: cocaína, crack e maconha. Vale lembrar que maconha é apenas o apelido da cannabis sativa que também começa com C.

Entre as bebidas super populares há a cachaça, a cerveja e o café. Os gaúchos até abrem mão do vício matinal do café, mas não deixam de tomar seu chimarrão que também - adivinha? - começa com a letra C.

Refletindo sobre este padrão, cheguei à resposta da questão que por anos atormentou minha vida: por que a Coca-Cola vicia e a Pepsi não? Tendo fórmulas e sabores praticamente idênticos, deveria haver alguma explicação para este fenômeno. Naquele dia, meu insight finalmente revelara a resposta. É que a Coca tem dois Cs no nome enquanto a Pepsi não tem nenhum. Impressionante, hein?

E o computador e o chocolate? Estes dispensam comentários. Os vícios alimentares conhecemos aos montes, principalmente daqueles alimentos carregados com sal e açúcar. Sal é cloreto de sódio. E o açúcar que vicia é aquele extraído da cana.

Algumas músicas também causam dependência. Recentemente, testemunhei a popularização de uma droga musical chamada "Créeeeeeu". Ficou todo o mundo viciadinho, principalmente quando o ritmo atingia a velocidade cinco.

Nesta altura, você pode estar pensando: sexo vicia e não começa com a letra C. Pois você está redondamente enganado. Sexo não tem esta qualidade, porque denota simplesmente a conformação orgânica que permite distinguir o homem da mulher. O que vicia é o ato sexual e este é denominado coito.

Pois é. Coincidências ou não, tudo que vicia começa com C. Mas atenção: nem tudo que começa com C vicia. Se fosse assim, estaríamos salvos pois a humanidade seria viciada em Cultura.”

café1

Definitivamente, sou viciada em café… Amo que amo!

E em cultura também.

E carinho…

14 comentários:

  1. Muito bom e para isso tudo vc usou uma outra palavra iniciada com "C"... Conhecimento... A sede de conhecimento tbm é viciante... Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom! Realmente, é difícil não viciar em chocolate, café, computador...

    Abraço!
    Wagner Silva

    ResponderExcluir
  3. Que lindo seu post!!!

    Fiquei pensando em outros vício como compras, carros, celular...
    É uma infinidade de coisas que fazem sentido.

    Mas o que eu mais gostei foi ver você citar o carinho, não há um vício melhor que este! ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Drica. Tem mesmo mais um monte de coisas com C que viciam! Você lembrou de algumas. E eu acabei de lembrar do CHICLETE! Hahahaha... Mas realmente o CARINHO é fundamental. Espero que, agora, você vicie no meu blog, que não começa com C, mas tem CONTEÚDO! Abração.

      Excluir
  4. vdd hiury lopes 'EMEF'

    ResponderExcluir
  5. Ana Luiza Moura Miranda5 de agosto de 2013 13:47

    Coisas como chocolate,celular e coca-cola

    ResponderExcluir
  6. verdade principalmete computador e celular

    ResponderExcluir
  7. concordo com você são muito coisas viciantes com c como computador,celular, café etc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. MAURICIO LOUREIRO ACM 7°A

      Excluir
  8. Verdade, a maioria das coisas que começam com C viciam, principalmente Chocolate, Celular e Computador

    ResponderExcluir
  9. Verdade , como chocolate,celular,etc....

    ResponderExcluir
  10. Verdade praticamente quase tudo q vicia começa com C!! Por exemplo: Computador e Celular!! Os mais viciantes de Hoj em Dia! e Apoio muito mesmo o do CAFÉ porq hoj em dia é difiicil axar alguém q n goste! kk

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade única dos seus autores e não expressam, necessariamente, a opinião do blog.