terça-feira, 23 de maio de 2017

Vila Velha festeja seus 482 anos


Mais um lindo desfile cívico militar para comemorar o 482º aniversário de Vila Velha, cidade que eu escolhi para viver. A mais antiga do Espírito Santo.

Desta vez, o desfile aconteceu nas ruas do bairro da Prainha, pela manhã, local de grande importância histórica para o estado, pois foi lá que chegaram as primeiras caravelas vindas de Portugal, trazendo os colonizadores. Entre eles, Vasco Fernandes Coutinho, nobre português, primeiro dono da Capitania do Espírito Santo.

Desta forma, comemoramos hoje, junto com o aniversário do município, o início da colonização do solo espiritossantense.

Confiram alguns momentos do desfile.







Muitos aplausos e o reconhecimento da população para a Guarda Municipal de Vila Velha. Pelo carinho recebido, o povo demonstrou que estes guardas passaram o ocupar um lugar especial no coração dos moradores da cidade, desde que fizeram a diferença, durante os dias de greve da PM-ES, em fevereiro deste ano.

Durante aqueles tristes dias, a Guarda Municipal de Vila Velha compareceu e a população pode contar com o seu serviço. 







O desfile continuou com as instituições filantrópícas e algumas escolas municipais.





A atleta Neymara Carvalho, a bodyboarder brasileira com maior número de títulos nacionais e mundiais, também marcou presença acompanhando uma das escolas da Barra do Jucu.



E o desfile foi encerrado com mensagens de amor, paz e esperança. Relevante, nos dias atuais.

Parabéns, Vila Velha! Desejo sucesso e paz.


Um orgulho morar aqui.

segunda-feira, 22 de maio de 2017

O abraço que nos faz bem

DSC08460

Alguém explica por que o abraço nos faz tão bem?

O corpo de alguém bem próximo que aconguega, aquece, acalma e diz que está tudo bem… Por alguns segundos. E a gente se renova.

Talvez seja a batida daquele outro coração que entra em sintonia com o seu. Talvez...

Talvez seja a presença de alguém que, mais do que lhe vê, lhe sente, lhe toma. Talvez…

Talvez seja o cheiro de alguém que nos faltava, sentido na sua essência. Talvez…

Talvez seja o entrelace dos braços, pele na pele, corpo no corpo. Talvez…

Talvez seja tudo isso, temperado com as nossas carências e emoções contidas. Talvez…

O que é certo é que abraçar é bom demais. Talvez só perca para o beijo. Talvez…

Abrace. Aproveite o dia.

DSC05424

22 de maio é o Dia do Abraço.

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Kid Vinil deixará saudades!

Kid(Imagem: Youtube)

Nos anos 80, falava-se nas canções sobre a vida real, o cotidiano das pessoas. Com talento e criatividade, mas sem perder a criticidade, o nosso mundo era retratado nas letras do rock brasileiro. E a gente se identificava. Anos musicais marcantes e que deixaram saudades!

Kid Vinil e o seu grupo Magazine representam bem a época.

Kid Vinil era o nome artístico do paulista Antônio Carlos Senefonte, músico, cantor, radialista, jornalista e apresentador de televisão que, hoje, nos deixou definitivamente. Faleceu após ter ficado em coma cerca de um mês.

Nossos sentimentos aos familiares, amigos e fãs.

Em sua homenagem, vamos recordar alguns dos seus sucessos.

quinta-feira, 18 de maio de 2017

“Elegância” e caráter

elegância                                                                       (Imagem: Reprodução)

Muita gente tenta conceituar o que é ser elegante. Relacionam em listas um monte de comportamentos socialmente aceitos e recomendáveis. Eu mesma já compartilhei, aqui, um belo texto de Martha Medeiros, sobre o assunto. Gosto dessas coisinhas… Mas gosto mesmo é de pessoas elegantes no caráter!

Gente que não se impõe é elegante. Que sabe o seu lugar! E não joga sujo, não puxa o tapete. Gente que é fiel, que não tenta tirar vantagens pessoais, que não trai! Gente que está junto do início ao fim.

Saber chegar e saber partir, na hora certa, do jeito certo, é elegante...

Judas Escariotes não foi elegante.

Joaquim Silvério dos Reis não foi elegante.

Se Michel Temer é elegante? Diga você. Eu já tenho minha opinião formada…

não é elegante(Imagem: Reprodução)

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Feira de animais com necessidades especiais - Shopping Praia da Costa

ong(Foto: ONG Amizade é um luxo)

Visando diminuir a população de animais desabrigados devido aos muitos casos de abandono, o Shopping Praia da Costa, por meio da ONG Amizade é um luxo e da loja SoulPet, realiza uma edição especial da Feirinha de Adoção de Animais, com foco nos animais com necessidades especiais, que possuem chances menores de encontrar um lar. Será neste sábado (20), no piso L3 do shopping Praia da Costa, de 13h às 18h.

Assim, o objetivo da “Feira Especial é Amar”  será incentivar a adoção e promover a conscientização de que um animal com deficiência é um pet como todos os outros e, apesar de suas limitações, possuem uma enorme capacidade de superação.

Participar desse processo e conviver diariamente com cada progresso do animalzinho é uma experiência única e extremamente gratificante.

Vale lembrar que são considerados animais com deficiência os que apresentam problemas motores, mentais, renais, idosos, amputados e cegos.

A conscientização da adoção de animais com deficiência possibilita a felicidade de muitos animais. Com o suporte necessário para o cachorro deficiente, é possível viver uma vida tranquila e cheia de amor com o animal, além de praticar o gesto fraterno da adoção.

Os cães e gatos que participam do evento foram resgatados e já estão prontos para adoção; eles participam castrados e são previamente agendados.

Para adotar um animal, o interessado deve ser maior de 18 anos, passar por uma entrevista, apresentar CPF e RG e comprovante de endereço.

Adotar é um ato de amor, mas um exige seriedade e responsabilidade.

Boa sorte para os pets! E para seus futuros donos.

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Ah! Se eu não fosse eu…

se não fosse eu(Foto: Reprodução)

Eu sempre dei um jeito. Dos detalhes às grandes necessidades, contei comigo. É claro que busquei e contei com alguma ajuda. Mas fui eu que corri atrás…

Mediei situações. Me expus. Contornei. Pedi aqui para pagar ali. Comprei o necessário. Deixei de ter o que mais queria e até hoje é meu sonho…

Me embrulhei para desembrulhar o outro, o próximo, bem próximo. E sempre bem intencionada. Nem sempre reconhecida.

Ah! Se eu não fosse eu… Nem sei como seria!

Fazendo um histórico da minha vida, desde sempre foi assim. O enredo foi repetitivo. Variações de um mesmo tema. Carma talvez? Não sei dizer, não conheço o conceito. Mas se não for, é algo parecido…

Mas, como eu disse, eu sempre dei um jeito. Só que cansa. Estou cansando. Passam-se os anos e tudo permanece mais ou menos na mesma. Queria um roteiro mais leve.

Acho que merecia. Estava na hora. A vida é tão curta…

Antes que eu desanime de vez.

domingo, 14 de maio de 2017

Mães…

mães(Foto: Paróquia Bom Pastor)

Ensinarás a voar ...
Mas não voarão o teu voo.
Ensinarás a sonhar ...
Mas não sonharão o teu sonho.
Ensinarás a viver...
Mas não viverão a tua vida.
Ensinarás a cantar ...
Mas não cantarão a tua canção.
Ensinarás a pensar...
Mas não pensarão como tu.
Porém, saberás que cada vez que voem, sonhem, vivam, cantem e pensem...
Estará a semente do caminho ensinado e aprendido!

(Madre Teresa de Calcutá)

Parabéns, mães, pelo seu dia!

sábado, 13 de maio de 2017

O mundo não é maternal

mãe(Imagem: Reprodução)

(Por Martha Medeiros)

“É bom ter mãe quando se é criança, e também é bom quando se é adulto. Quando se é adolescente a gente pensa que viveria melhor sem ela, mas é um erro de cálculo. Mãe é bom em qualquer idade.

Sem ela, ficamos órfãos de tudo, já que o mundo lá fora não é nem um pouco maternal conosco. O mundo não se importa se estamos desagasalhados e passando fome. Não liga se virarmos a noite na rua, não dá a mínima se estamos acompanhados por maus elementos.

O mundo quer defender o seu, não o nosso. Mãe também quer que a gente tenha boa aparência, mas está mais preocupada com a nossa limpeza interna: não quer que a gente se drogue, que a gente fume, que a gente beba.

O mundo nos olha superficialmente. Não consegue enxergar através. Não detecta nossa tristeza, nosso queixo que treme, nosso abatimento. O mundo não tira nossa febre, não penteia nosso cabelo, não oferece um pedaço de bolo feito em casa.

O mundo, quando não concorda com a gente, nos pune, nos rotula, nos exclui. O mundo não tem doçura, não tem paciência, não pára para nos ouvir. O mundo pergunta quantos eletrodomésticos temos em casa e qual é o nosso grau de instrução, mas não sabe nada dos nossos medos de infância, das nossas notas no colégio, de como foi duro arranjar o primeiro emprego.

Mãe é de outro mundo. É emocionalmente incorreta: exclusivista, parcial, metida, brigona, insistente, dramática, chega a ser até corruptível se oferecermos em troca alguma atenção. Sofre no lugar da gente, se preocupa com detalhes e tenta adivinhar todas as nossas vontades, enquanto que o mundo propriamente dito exige eficiência máxima, seleciona os mais bem-dotados e cobra caro pelo seu tempo. Mãe é de graça!”

Feliz Dia das Mães.

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Insanos, O Pesadelo do Terceiro Milênio - no Teatro Municipal de VV

o pesadelo(Imagem: Divulgação)

Imperdível. A peça teatral “Insanos, O Pesadelo do Terceiro Milênio” traz a assinatura de Anderson Lima, na autoria do texto, direção e atuação, simplesmente o artista mais top e completo de Vila Velha!

O texto é um ensaio sobre a esquizofrenia com nuances de um terror vampiresco. As doenças e distúrbios da mente, que assolam grande parte da população, tem como indicação médica, tratamento com o trato artístico e/ou desporto.

Os primórdios do roteiro tinham uma ideia prima fictícia, tendo porém se alterado após larga pesquisa e contato direto com pessoas que desenvolveram a doença.  Seus relatos e histórias tornaram a base para partes do texto.

A história fala de um ser "nonsense" que em suas alucinações acredita que Deus o escolheu para ficar em seu lugar...

Quer saber mais? Então você não pode perder o espetáculo.

Dia 28 de maio, às 20h, no Teatro Municipal de Vila Velha, no Centro.

Venha se enlouquecer!