domingo, 10 de junho de 2012

Vencedores e derrotados.

Folheando umas revistas velhas, numa tarde qualquer da semana passada, encontrei o texto de hoje, recomentado por Ivo Nogueira Dias, em sua coluna “Modus Vivendi”.

Como arranquei a página e recortei o pedaço com o texto impresso, cometi o pecado de perder o nome da revista de onde o havia encontrado. Eram muitas e variadas…

O texto reflete sobre as nossas atitudes do dia-a-dia. E a pergunta logo surge: “De que lado queremos ficar?”

vencedores e derrotados

“Quando um vencedor comete um erro, diz: “Enganei-me", e aprende a lição. Quando um derrotado erra, diz: "A culpa não foi minha". E responsabiliza a terceiros.

Um vencedor sabe que a adversidade é a melhor dos mestres. Um derrotado sente-se vítima permanente da adversidade.

Um vencedor sabe que o resultado das coisas depende de si mesmo. Um derrotado acha-se perseguido pelo azar.

Um vencedor trabalha muito e arranja sempre tempo para si próprio. Um derrotado está sempre "muito ocupado" e não tem tempo sequer para sua família.

Um vencedor enfrenta os desafios um a um. Um derrotado contorna os desafios e nem se atreve a enfrentá-los.

Um vencedor compromete-se, dá a sua palavra e cumpre. Um derrotado faz promessas, não se esforça e quando falha só sabe justificar-se.

Um vencedor diz: "Sou bom, mas vou ser melhor ainda". Um derrotado diz: "Não sou tão mau assim; há muitos piores que eu".

Um vencedor ouve, compreende e responde. Um derrotado não espera que chegue a sua vez de falar.

Um vencedor respeita os que sabem mais e procura aprender algo com eles. Um derrotado resiste a todos os que sabem mais e apenas se fixa nos defeitos deles.

Um vencedor sente-se responsável por algo mais que o seu trabalho. Um derrotado não se compromete nunca e diz sempre: "Faço o meu trabalho e é quanto basta".

Um vencedor diz: "Deve haver uma melhor forma de fazer isso". Um derrotado diz: "Sempre fizemos assim. Não há outra maneira".

Um vencedor consegue "ver a parede na sua totalidade". Um derrotado fixa-se "no azulejo que lhe cabe colocar".

Um vencedor é PARTE DA SOLUÇÃO. Um derrotado é PARTE DO PROBLEMA.”

Seja um vencedor

Um comentário:

Os comentários são de responsabilidade única dos seus autores e não expressam, necessariamente, a opinião do blog.